terça-feira, 13 de fevereiro de 2018

Pudim de Tangerina

Migalhas e Vitualhas: edição Equipas de Nossa Senhora, Lisboa, Fevereiro de 2005, pág. 504
Pudim de Tangerina

125 g. de açúcar
2 tangerinas grandes
20 g. de gelatina branca
Ovos-moles (para enfeitar)
 
Levar o açúcar ao lume com um pouco de sumo das tangerinas, até ficar em ponto. Derreter a gelatina em água fria e juntar ao açúcar com o resto do sumo das tangerinas não deixando ferver.
Deita-se o preparado numa forma com buraco (passada por água fria) e coloca-se a gelar. Enfeita-se com ovos-moles em volta do buraco, depois de desenformado, e com gomos de tangerina em redor.
 
Equipa Montijo 4, Sector Setúbal, Região Sul

domingo, 4 de fevereiro de 2018

Conchinhas de Bacalhau


Conchinhas de Bacalhau
 
Faz-se um refogado com cebola picada e azeite, sem deixar alourar muito.
Junta-se uma posta de bacalhau cozido e desfiado e um pão previamente demolhado em leite. Deixa-se refogar um pouco, junta-se mais leite se for preciso para ficar com a consistência de puré.
Fora lume juntam-se dois ovos e põe-se em formas de pirex. Polvilham-se com queijo ralado e leva-se ao forno.

sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

Sopros - Fotoreportagem

Começa-se por peneirar os três primeiros ingredientes: 2 chávenas de farinha
3 colheres de chá de pó Royal [fermento]
1 colher de sopa de açúcar
e a eles junta-se 1 e 1/2 chávena de leite
1 colher de sopa de manteiga derretida
2 ovos bem batidos e misturando-se tudo.
Untam-se as forminhas e põem-se duas colheres de sopa da mistura em cada;
dará para dezasseis bolinhos. [Eu coloquei em formas de papel mas muitas,
com a densidade da massa, abriram. Colocar as formas de papel em latas também.]

E cá estão uns deliciosos Sopros que são, nada mais nada menos, do que uns pãezinhos para acompanharem um magnífico chá, óptimos com manteiga, compota ou marmelada. São uma excelente alternativa aos Scones, porque mais fofos e menos secos, durando mais tempo a sua leveza e frescura. Recomendo vivamente.
Experimente e diga-me o que achou. Partilhe as suas opiniões.

Veja a receita AQUI.

quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

Sopros

Portugal Feminino, nº 46, Novembro de 1933.
Sopros

2 chávenas de farinha
3 colheres de chá de pó Royal [fermento]
1 colher de sopa de açúcar
2 ovos
1 colher de sopa de manteiga
1 e 1/2 chávena de leite
Sal que baste.

Começa-se por peneirar os três primeiros ingredientes e a eles junta-se o leite, a manteiga derretida e os ovos bem batidos, misturando-se tudo. Untam-se as forminhas e põem-se duas colheres de sopa da mistura em cada; dará para dezasseis bolinhos.
Cozem 20 a 25 minutos em forno moderado.

sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

Obrigado... 900 mil vezes obrigado

E prestes a completar seis anos de existência, eis que o blog As Receitas da Avó Helena e da Avó Eduarda atingiu o lindíssimo número de 900 Mil Visitantes... não é fantástico?
Quero agradecer, e muito, a todos os que nos visitam, comentam, partilham e interagem connosco. É tão gratificante receber da vossa parte opiniões, sugestões e mensagens de congratulação. É bom saber que este acto de Amor encontra em vós um retorno.


 E aqui temos os 5 post mais lidos e visitados do blog. As Papas de Milho têm um avanço considerável. Já lá foi espreitar?

Um beijo e um abraço a todos e bem-haja por tudo, por fazermos esta jornada juntos.

quarta-feira, 24 de janeiro de 2018

Bolachas Deliciosas

Portugal Feminino, nº 20, Setembro de 1931.
Bolachas Deliciosas

Junta-se 280 gramas de farinha, 150 gramas de açúcar, 80 de manteiga, 2 colheres de chá de fermento inglês e 2 ovos. Trabalha-se pouco a massa. Estende-se com o rolo e cortam-se em rodelas, que vão ao forno em tabuleiro untado de manteiga. Depois de cozidas, deixam-se esfriar. Cobrem-se depois com qualquer geleia, e, por último, passam-se por açúcar cristalizado.

sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

Eu e os doces...


Outro recuerdo meu: primeiro, a minha aflição de não ter colher de sobremesa, depois os olhos a brilharem perante um prato de Mousse de Chocolate e no fim um ligeiro 'mais ou menos' com a cabeça... Como eu era exigente (menos na roupa, apesar de ser laranja). Ah! Era o meu aniversário: 10 de Agosto de 1985 ou 1986.

E já que falamos em Mousse, aqui vos deixo o link para a receita da minha Mousse de Chocolate favorita: 
 E o making of:

O arroz da Laurinda


Ao rever alguns filmes de família dei-me com a receita de arroz que a Laurinda, caseira de casa dos meus Avós e amiga da família desde sempre, fazia para a Consoada... Nas filmagens, e por ordem de 'chegada', a Avô Eduarda, a Tia Clarinha e a Laurinda. A Laurinda foi casada com o Aires, amigo e companheiro de estrada de meu Avô Manuel, conhecedor profundo da região, da agricultura, da caça. Sempre connosco até ao fim.

(Um à parte - A relação que se tem com as filmagens é mais difícil que com as fotografias. O movimento e mais tarde, a partir de meios da década de 80, o som, torna tudo muito mais real e presente. Não deixa de ser um exercício a toda a prova.)

Uma brincadeira...

O 70 : jornal com malaguetas. - N. único (1889). - Lisboa : Typ. Minerva, 1889

quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

Bolo Para O Chá


Bolo Para O Chá

250 grs. de farinha "Branca de Neve"
250 grs. de açúcar
5 ovos
1 colher (chá) de sumo de limão

Bater as gemas com o açúcar.
Quando estiver em creme, juntar as claras em castelo e a farinha "Branca de Neve". Por fim a colher de chá de sumo de limão. Mexer muito bem a massa e deitá-la em forma redonda untada com margarina e polvilhada de farinha. Vai a forno quente.
Depois de desenformado decorá-lo a gosto.

Receita enviada pela ouvinte: Deolinda Soares Rego - Lisboa