quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

UM FELIZ NATAL



A todos os amigos, leitores e visitantes do blog As Receitas da Avó Helena e da Avó Eduarda desejo um Santo e Feliz Natal. Faço votos que este Amor dum azul tão puro como o do céu (Êxodo 24:10) e esta luz de fogo da candeia - enquanto tiverem luz acreditem nela, para serem luz também (João 12:36) -  vos acompanhe nesta quadra e por toda a vida. Obrigado por, mais um ano passado, continuarem a visitar esta casa que é de todos.

E como não podia deixar de ser, eis que deixo as sugestões anuais para a vossa Ceia de Consoada:

segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

Sarnicador

Sarnicadores
Sarnicos ou Marcas de Bolos
António Genovevo, o último 'Sarnicador'
Terra portuguesa : revista ilustrada de arqueologia artistica e etnografia
A. 2, n.º 17-20, Junho-Setembro 1917

Limonadas das Romarias, por Severo Portela

Limonadas das Romarias
Limonadas das Romarias
Terra portuguesa : revista ilustrada de arqueologia artística e etnografia
A. 1, n.º 2, Março 1916

domingo, 10 de dezembro de 2017

Pudim Francês - Fotoreportagem

Põe a amornar meio litro de leite
Batem-se 6 ovos inteiros mais 2 gemas
com 300 grs. de açúcar
Quando leite estiver morno, dissolva numa tigela 2 colheres de sopa
de farinha Maizena e, estando bem dissolvida
junte aos ovos com o açúcar já bem batidos.
Adicione um cálice de Vinho do Porto
Coloque uma forma barrada de açúcar queimado
E vai a cozer em banho-maria (eu usei a panela de pressão; desde que o vapor
começa a sair do pipi, baixo para o mínimo e deixo mais 15/20 minutos.
Solta-se a pressão, abre-se a panela de pressão e deixa amornar e
cá está ele.
Um Pudim Francês que foi muitíssimo bem recebido pela família. Fica com uma excelente consistência e sabor. Extremamente simples e não é muito dispendioso. Uma óptima opção de Pudim para a Noite de Consoada. 

Experimente.

ATENÇÃO: nunca colocar a farinha Maizena dentro do leite mas sim o inverso. Deve ter a farinha Maizena numa taça e colocar um pouco de leite morno e mexer bem, até dissolver a farinha completamente. Quando juntar o preparado ao restante leite, use um coador, não vá cair nenhum grumo. Fica desagradável.

Veja a receita utilizada - a que a Avó geralmente usava - AQUI
Existe outra receita, não muito diferente, do mesmo Pudim Francês AQUI

terça-feira, 28 de novembro de 2017

O Cozinheiro João da Mata, por Pinto de Carvalho (Tinop)





CARVALHO, Pinto de, 1858-1936
Lisboa de outrora / Joäo Pinto de Carvalho ; ed. lit., coord. e not. Gustavo de Matos Sequeira,
Luís de Macedo. - Lisboa : Grupo de Amigos de Lisboa, 1939. - v. ; 21 cm

Aproveitando ainda a escrita de Pinto de Carvalho (Tinop) e o enorme contributo que foi dando para o conhecimento de grandes personalidades de finais de XIX, inícios de XX, venho partilhar convosco o bonito texto sobre essa figura maior da culinária portuguesa: João da Mata. Uma justa homenagem de Tinop e uma justa homenagem minha a ambos.
Espero que gostem.

Podem consultar todo este livro de Pinto de Carvalho no site da Biblioteca Nacional de Portugal ou clicando AQUI.

segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Beijinhos de Amêndoa e Bolo de Amêndoa (Lourdes) - Fotoreportagem

Beijinhos de Amêndoa

Mistura-se o polme de 125 gr. de batata cozida e passada
com 70 gr. de miolo de amêndoa

e 250 gr. de açúcar
e leva-se a lume brando, mexendo sempre
com uma colher de pau para não pegar.
Adiciona-se as 3 gemas e uma clara
e leva-se novamente ao lume.
Quando a massas estiver enxuta, deixa-se arrefecer.
tendem-se os queijinhos que se rolam em açúcar
e colocam-se em forminhas de papel.
 Et Voilà

Bolo de Amêndoa
(Lourdes)


Batem-se 250 gr. de açúcar
com 6 gemas.
Adiciona-se 200 gr. de amêndoa com pele
1 colher (de sopa) de farinha e 1 colher (de chá) de fermento.
Por fim leva as claras em castelo.
Vai ao forno cerca 180º/200º em forma que se desejar.
E cá está ele. Recheei e cobri com doce de figo e fios de ovos em redor.
Ficou lindo.
E aqui ficam duas sugestões para quem esteja carregado de amêndoas em casa. Super simples de se fazerem e sucesso garantido. Excelente sabor. 
Espero que gostem e já sabe, se experimentar alguma das receitas conte-me a sua experiência. Adoraria saber e, se possível, ver em fotografias. 

A receita dos Beijinhos de Amêndoa pode ser vista AQUI e a receita do Bolo de Amêndoa pode ser vista AQUI.

quarta-feira, 22 de novembro de 2017

Cafés de Lisboa, por Pinto de Carvalho (Tinop) – revista Serões, n. 52 e 53, de 1909













Pinto de Carvalho, mais conhecido como Tinop, deixou-nos algumas boas obras e artigos sobre o que seriam as vivências de sociabilidade em Lisboa. Escreveu a primeira grande obra sobre a História do Fado - pode consultá-la em http://purl.pt/27669 - ou a Lisboa de Outrora - pode consultá-la em http://purl.pt/717 - só para citar dois belíssimos exemplos da sua bibliografia.
Para a espectacular revista Serões - que pode consultá-la em http://hemerotecadigital.cm-lisboa.pt/Periodicos/Seroes/Seroes.htm - deixou este espectacular retrato sobre Os Cafés de Lisboa.
Recomendo a leitura atenta. Deixe-se guiar por esta visita escrita aos recantos mais especiais da Lisboa de inícios do séc. XX.

sábado, 18 de novembro de 2017

Pudim de Leite - Fotoreportagem

3 colheres (de sopa) rasas de farinha
dissolvidas em meio litro de leite.
juntam-se 2 chávenas de chá de açúcar
5 ovos inteiros
e raspa de limão. Mexe-se bem.
Vai a cozer em banho maria em forma barrada de açúcar queimado.
[Eu usei a panela de pressão]
Fica um pudim grande e macio. Este desfez-se um pouco
porque não tive tempo de deixá-lo arrefecer.
Eis um boa receita de Pudim de Leite. Não dá grande trabalho, os ingredientes não são excessivos e o sabor, devido ao limão, torna-se bastante fresco. É uma boa escolha.
Há quanto tempo não faz um pudim? Experimente este e diga-me a sua opinião.

Veja a receita AQUI.